04/11/2015

Resenha: Garota interrompida


resenha-livro-garota-interrompida
HurricaneStars
Livro: Garota Interrompida
Autor: Susanna Kaysen
Sinopse: Não saber o que quer ser não é uma opção. Quando a realidade torna-se brutal demais para uma garota de 18 anos, ela é hospitalizada. O ano é 1967 e a realidade é brutal para muitas pessoas. Mesmo assim poucas são consideradas loucas e trancadas por se recusarem a seguir padrões e encarar a realidade. Susanna Kaysen era uma delas. Sua lucidez e percepção do mundo à sua volta era algo que seus pais, amigos e professores não entendiam. E sua vida transformou-se ao colocar os pés pela primeira vez no hospital psiquiátrico McLean, onde, nos dois anos seguintes, Susanna precisou encontrar um novo foco, uma nova interpretação de mundo, um contato com ela mesma. Corpo e mente, em processo de busca, trancada com outras garotas de sua idade. Garotas marcadas pela sociedade, excluídas, consideradas insanas, doentes e descartadas logo no início da vida adulta. Polly, Georgina, Daisy e Lisa. Estão todas ali. O que é a sanidade? Garotas interrompidas.Um relato pessoal, intenso e brutal que nos faz refletir sobre nosso papel na sociedade.
"As pessoas me perguntam: como você foi parar lá? O que querem saber, na verdade, é se existe alguma possibilidade de também acabarem lá. Não sei responder á verdadeira pergunta. Só posso dizer:é fácil."
O que achei:  O livro faz uma critica aos anos 60 e seus métodos de diagnosticar doenças mentais, já que depois de um consulta breve com um médico ela é induzida a se internar "voluntariamente" no  Hospital Psiquiátrico McLean, aonde passou os próximos dois anos da sua vida (anos interrompidos) e foi diagnosticada com transtorno de personalidade limítrofe, no livro Sussana conta como a sua família não aceitava o fato dela não querer cursar uma Universidade, de um relacionamento complicado e extraconjugal com seu professor e do dia que ela decidiu tomar cinquenta aspirinas e o que a motivava. 
Por ser uma historia real aonde Sussana descreve de maneira direta tudo que passou no McLean, vem carregada de momentos aonde faz você se questionar se é meio louco também e outros que te fazem pensar sobre a realidade de varias outras pessoas. No livro ela aborda como acha que seu diagnostico foi prematuro e que alguns pontos importantes eram completamente preconceituosos. Detalhes do dia-adia, da freqüência das visitas, das doenças dos outros pacientes, dos pensamentos dela. Tudo isso fazem a historia ser cativante. 
No McLean ela conhece Lisa, Georgina, Polly e Daisy. Se tornam amigas e passam os dias juntas conversando, especulando sobre os outros pacientes e fumando. Daisy é a garota estranha dos frangos, Lisa é sociopata e está constantemente fugindo do hospital mas sempre a trazem de volta, Polly se queimou com 10 anos e Gerorgina  e Cíntia, que no livro não explica exatamente o que elas tem. Elas se tornam amigas e passam os dias juntas. Sussana passa os dias tentando mostrar que o diagnostico estava errado e que ela não precisa ficar mais tempo lá, ela também é levada a se confrontar e se questionar se está mesmo doente. O livro é muito bom e  eu aconselho.









CONTÉM SPOLIERS
Comparação entre o filme e o livro: Eu assisti o filme depois de ler o livro (eu sempre prefiro ler o livro antes), e enquanto eu assistia eu ficava: "mas pera isso não foi assim não", porque o enredo principal da historia é o mesmo do livro, os personagens e a situação também, mas alguns fatos são completamente diferentes, creio que para o filme ficar mais atrativo. 
Os fatos diferentes são: No livro Sussana não foge com Lisa em nenhum momento, portanto a cena delas fugindo e depois o que acontece no apartamento da Daisy não existem no livro. Elas descobrem pelo quadro de aviso de Daisy se matou e não porque foram até lá e Lisa disse aquelas coisas, porém a historia que o pai da Daisy se aproveitava dela é especulada sim. 
O nome do hospital é mudado para claymore e algumas cenas não existem como a da sala de dança, algumas vezes elas estão em lugares que não eram para estar, mas a diferença maior e mais significativa é que:
Mudaram o final, isso mesmo MUDARAM O FINAL!!! Sim no livro Susanna se recupera e sai do McLean, proém não do jeito que o filme mostra, que dia após dia ela consegue provando que é estável e confiável. Ela só consegue sair de lá porque aceita um pedido de casamento e ela diz no livro que se não tivesse aceitado o pedido provavelmente nunca sairia de lá. Então sim no fim de ambos ela ganha a liberdade, mas a circunstancias para que isso aconteça são bem diferentes.
Pro filme essas diferenças se encaixam bem, porém se for comparar com o livro é um pouco triste, já que a autora deixa claro suas criticas a sociedade da época, ao fato dela ser considerada "promiscua" de só conseguir sua liberdade se casando e tantas outras coisas que mostram o comportamento extremamente machista das pessoas. Então se você leu o livro e vai ver o filme vai achar um pouco decepcionante, mas se só ver o filme vai entender a historia (de um modo superficial é claro).

13 comentários:

  1. Olá, Aláina! Gostei da tua resenha! Já estou na metade do livro e tive as mesmas impressões que você até agora.
    Sobre o filme, só pelo trailler já senti que algumas coisas estavam diferente, começando pelo nome do hospital, enfim, às vezes essas mudanças têm o intuito de tornar o filme mais atrativo e com mais ação para o público, mas o fato é que quem lê o livro quer que fique igualzinho, hahaha.

    Beijos, Hel.
    leiturasegatices.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Menina, tô doida pra ler esse livro!
    Super calhou de eu achar sua resenha aqui. Adoro dramas psicológicos, já vi o filme e fiquei muito interessada, mas imaginava que podia ser uma versão "romantizada" das coisas, no caso, no qual ela tem um final "meio feliz". Mas como você disse, não é bem isso que acontece.
    Infelizmente eu vi o filme antes de ler o livro, pois não sabia da existência do mesmo na época, mas também prefiro ler antes! Com certeza dá outra base pra análise e entendimento.
    Enfim, excelente resenha.
    Bjs,
    http://www.seviranos20.com/

    ResponderExcluir
  3. Que história interessante! Dramática e ao mesmo tempo deve ser um misto de empolgação e reflexão, né? Pareceu aquelas histórias que você mergulha mesmo. Gostei! Parabéns pela resenha :)
    Beijos!

    Blog Mudei Modei

    ResponderExcluir
  4. História interessante eu leria com certeza vou anotar o nome para comprar depois, porém vou ver se assisto o filme logo.

    Bjs

    http://www.caprichadissimas.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Mds *- tenho uma curiosidade enorme de ler.E com a sua resenha,isso so aumentou kk' ...amei

    ResponderExcluir
  6. 5 estrelas então já quero ler, na verdade eu já queria ler faz um tempo, e agora com essa resenha quero ainda mais
    Beijos.
    http://www.segredosdacahlima.com/

    ResponderExcluir
  7. Nossa, adorei!! Confesso que eu não li o Filme X Livro, para não ler os spoilers, já que fiquei correndo de vontade de ler o livro! Ele me parece ser o tipo de livro que prende muito a atenção... Livros que retratam críticas à sociedade são bem interessantes. Vou colocar na minha lista!

    Beijo
    http://www.blogleituravirtual.com/

    ResponderExcluir
  8. Não sabia que tinha livro, já ouvi falar do filme, mas nunca assisti. Confesso que como a Marina também não li o Livro X Filme porque eu não quero ler os spoilers hahaha Mas coloquei o filme na minha lista, porque gostei da história.

    Um cheiro!
    www.vinteetantos.com

    ResponderExcluir
  9. Também não conhecia o livro, fiquei super querendo ler! O filme é otimo o livro deve ser mil vezes melhor!
    Adorei seu blog e to te seguindo viu? =D
    Dps passa la no blog, tem post sobre a novidade de "tatuagem para cabelos!"
    www.usomakeup.blogspot.com
    Ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  10. Quero muito ler esse livro. Seguindo, amei seu blog pretendo voltar mais vezes aqui beijos.
    http://fiinaldeoutubro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, eu adorei a resenha do livro... Ainda não conhecia... Parabéns pelo blog!

    ResponderExcluir
  12. Eu assisto o filme em uma tarde tediosa no Netflix. Sabia que tinha o livro e eu também prefiro ler primeiro para depois assistir, mas dessa vez não consegui esperar (mais precisamente quando soube que a Angelina Jolie está no elenco) e, meu deus, eu adorei o filme. Acho que também iria ter gostado do livro, ou gostado até mais, mas o filme já bastou. <3

    Abraço,
    literarizei.blogspot.com

    ResponderExcluir
  13. Heyyy...
    Estou bastante curiosa em ler esse livro.
    achei minha cara
    www.raphamoura.com.br

    ResponderExcluir

Olá! Fique a vontade para comentar, sua opinião é muito importante para mim.
- Responderei e retribuirei todos os comentários assim que possível.
- Vou olhar seu blog e se eu gostar irei te seguir então não precisa comentar: "estou te seguindo, retribui?", esse tipo de comentário será ignorado.
- Não é permitido termos ofensivos ou abusivos, se você achou que de alguma forma o blog ou alguma postagem foi ofensiva por favor me encaminhe um e-mail.